O nosso organismo absorve colágeno?

Talvez você já tenha se perguntado: vale a pena ingerir colágeno? Pensando nisso, escrevemos esse post para acabar de vez com essa dúvida. Escolhemos alguns estudos para justificar, com base científica, por que o consumo de colágeno se faz importante.

Primeiramente, o que significa “colágeno hidrolisado”?

O colágeno hidrolisado é aquele que passa por um processo de quebra, transformando-o em moléculas menores. Esse processo facilita a absorção do colágeno, tornando-a eficiente e certa. Além da hidrólise, para ter uma boa absorção é necessário que o colágeno seja ingerido juntamente com algumas vitaminas e minerais, como vitamina A, C, Zinco e Selênio

Mas o que os artigos científicos falam a respeito do colágeno?

 

Cartilagens

A característica mais importante do colágeno hidrolisado é a sua composição de aminoácidos, fornecendo um alto nível de glicina e prolina, dois aminoácidos essenciais para a estabilidade e a regeneração das cartilagens. Portanto, apresenta efeitos benéficos ao organismo (SILVA, 2012).

Pele

Campos e colaboradores, ao estudarem o efeito do colágeno associado a vitamina A, C, E e zinco em mulheres sadias, de 40 a 60 anos de idade, observaram que a suplementação foi eficaz na melhoria da elasticidade da pele e da estrutura da derme, minimizando rugas e poros dilatados, após três meses de uso (CAMPOS et al, 2015).

Os resultados das pesquisas de Zague indicaram que a ingestão de colágeno hidrolisado pode aumentar a produção de colágeno pelos fibroblastos e retardar o envelhecimento da pele, reduzindo as mudanças relacionadas à matriz extracelular durante o envelhecimento por estimular o processo anabólico na pele.

Um estudo realizado em 2006 concluiu que a ingestão diária de 5g de colágeno hidrolisado melhorou as propriedades da pele (MATSUMOTO et al., 2006). Outro estudo realizado no Japão, em 2006, demonstrou que a ingestão de colágeno hidrolisado induz a formação de fibras colágenas da pele (MATSUDA et al., 2006).

Ossos

Com relação aos ossos, Guillerminet et al. observaram resultados satisfatórios do colágeno hidrolisado no tratamento da osteoartrite e da osteoporose. A ingestão diária de 10g de colágeno hidrolisado de grau farmacêutico (PCH) reduziu a dor em pacientes com osteoartrite no joelho ou quadril. O uso de colágeno hidrolisado no tratamento nesses casos é interessante, pois pode ser utilizado por longo prazo nessas doenças crônicas e apresenta poucos efeitos adversos, diminuindo principalmente os gastrointestinais.

 

Viu como o colágeno é absorvido e dá resultados mesmo? Que tal sentir todos esses benefícios na pele (literalmente)? Acesse nosso site e faça seu pedido!